quarta-feira, 3 de setembro de 2014

Após uma semana depois do acidente fatal que matou o candidato a Presidência Eduardo Campos e sua equipe, técnicos e peritos da FAB autorizaram a liberação do áudio contido na caixa preta onde se pode ouvir o piloto informar que o avião foi alvejado por tiros.

Piloto: “Fomos atingido por alguma coisa e estamos mudando a rota.”
Copiloto: “Isso é tiro, a turbina está pegando fogo.”
Piloto: “Vamos tentar fazer um pouso arriscado, mas iremos conseguir. Avise a todos para que coloquem os cintos e se preparem para o impacto”

Um desses tiros foi o causador do incêndio na turbina o que fez o avião cair. Na data do acidente muito se falou, mas com essa informação o rumo das investigações pode mudar e muito! A cúpula do mais alto escalão da Força Aérea fez uma reunião e já começara nesse final de semana a verificação na fuselagem do avião para encontrar possíveis marcas de projeteis. Existem vários fatores que confrontam com a tese que houve falha mecânica ou até mesmo falha humana: O avião era moderno, a tripulação era muito experiente e tinham várias horas de voo.

O desfecho desse acidente ainda está longe de ser resolvido, enquanto isso Marina Silva segue a dura jornada que até então era Eduardo Campos fazia. Resta esperar também para saber o que vai acontecer na corrida presidencial, vamos aguardar até Outubro.

0 comentários :

Postar um comentário